Criadores mineiros de cabras e ovelhas podem contar com mais um serviço de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater). Na última semana, a Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos de Minas Gerais (Accomig) tornou-se a 26ª instituição mineira a ser credenciada pelo Sistema Informatizado de Assistência Técnica e Extensão Rural (Siater) da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead).

A engenheira agrônoma da Delegacia Federal da Sead em Minas Gerais, Isabela Terra, diz que essa é uma ótima novidade. Ela explica que o credenciamento habilita as empresas de Ater a concorrer, por exemplo, a editais de chamadas públicas do Governo Federal. 

O coordenador regional da Accomig, Marcelo Ribeiro, destaca que os produtos derivados da caprinocultura e da ovinocultura mineira vão ganhar novos rumos. “Queremos encaminhar os alimentos que produzimos para comercialização em escolas, creches e hospitais via Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae)”, comentou. O Pnae prioriza a compra de produtos da agricultura familiar.